segunda-feira, 3 de julho de 2017

Minha fortaleza















O que eu quero fazer
Não faço só pra te ver
Vencendo a cada dia
O homem miserável que sou
Em sua vontade pra mim
Não há dor ou pesar
Seguirei cada passo
De quem me ensinou a caminhar

Mesmo quando os ventos
Sopraram contra mim
Mesmo quando a dor
Me fez pensar em  desistir
Pude ouvir sua voz
tão doce a me acalmar
Contigo rompi os impossíveis
Descobri que posso voar


Nenhum comentário: